Cat-1

Cat-2

Cat-3

Cat-4

» » » Gratuito para músicos: começa hoje o II Workshop NovoArtista.com


Fato: o mercado da música mudou rapidamente (na verdade quase virou do avesso), e a esmagadora maioria dos músicos ainda se apega ao modo antigo de se encará-lo: tocar, até que, num belo e mágico dia, um angelical caça-talentos de alguma gravadora aparecerá e, reconhecendo seu maravilhoso trabalho, o levará ao estrelato. #SQN! Hoje o mercado da música é bastante diferente: as gravadoras não possuem tanta relevância e, em nosso nicho (blues, jazz, country music) talvez seja até mesmo prejudicial se afiliar a alguma. No modelo antigo a única forma de conhecermos algo novo seria pela mão delas, através do rádio, TV e o que havia nas prateleiras das lojas. Literalmente, o público "comia apenas nas mãos das gravadoras".

Hoje, felizmente, podemos nos alimentar por conta própria e do que nos mais nos interessa: chega de programas de auditório, com músicas feitas sob encomenda para agradas às massas, já condicionadas pela própria mídia a consumir apenas determinado tipo de "produto", incluindo a música. Hoje existe a realidade dos nichos. Não é preciso nem é recomendado abraçar o mundo, e sim aqueles que curtem verdadeiramente seu estilo. É um trabalho direcionado e este conceito se aplica não somente à música, mas a toda a cultura de consumo atual.

Mas, como disse antes, a esmagadora maioria das pessoas, incluindo os músicos, ainda se prende e ilude de acordo à realidade que acabou nos anos 90. No blues isso é particularmente gritante: existe uma "áurea antiquista" onde muitos se prendem a velhos conceitos, principalmente ligados à vestimenta, ao idioma, temática e, obviamente, à forma de gerir a própria carreira. Não é raro encontrar comentários de músicos do blues brasileiro se queixando de falta de apoio, de desvalorização por parte de público e contratantes, e isso é real, de fato. Mas também se deve a um motivo básico: o que os próprios músicos andam pensando sobre gestão de carreira atualmente? Será que ainda se enxergam, em 2017, como se estivéssemos em 1987, por exemplo?

Pensando nisso, e unindo ao nosso eterno objetivo de colaborar com o crescimento do blues, postaremos, com uma certa frequência, material útil para que os músicos do BRBlues, jazz e afins tenham uma visão mais moderna do "viver de música" e... Cresçam, modernizem e profissionalizem, pouco a pouco, caso a caso, o cenário blueseiro tupiniquim. Muitos músicos nos pedem auxílio constantemente para questões básicas, como uma simples disponibilização de música no Spotify, por exemplo, o que mostra que realmente precisamos modernizar o pensamento e que isso é fundamental para que tantas queixas diminuam. Todos ganham com isso.

Para começar com chave de ouro, aqui vai uma dica valiosa (não é jabá e sequer conheço qualquer um dos organizadores): começou hoje o 2º Workshop NovoArtista.com: são dez dias de aulas, lives e muita informação extremamente útil a todos que desejam ou já vivem de música, mas não se acomodam. Aqui o músico terá acesso, gratuitamente, a estratégias de divulgação, gestão financeira, realidade do mercado, profissionais envolvidos (e suas visões), planejamentos de carreira, etc. Após um rápido cadastro, você já começa a receber, em seu e-mail, os links para as aulas, PDFs de apoio, e tudo o mais. Hoje já foi liberada a primeira aula e ainda teremos uma live às 21h, no Facebook e YouTube.

Para se inscrever e saber mais, basta CLICAR AQUI e conferir seu e-mail. Confira, abaixo, o teaser do workshop:






...
«
Próximo
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga

Publicado por I. Malforea

BLUEZinada! é uma zine produzida pela Distintivo Blue e distribuída gratuitamente, desde 2011. Saiba mais sobre a banda:

Nenhum comentário

Comente aqui embaixo:

Leia!

Ouça!

Assista!

Cat-5

Cat-6